21 de junho de 2010

Cientista afirma ter provas de que fantasmas existem


Por mais de dois anos, um poltergeist foi exaustivamente investigado pelo professor David Fontana, sócio da British Psychological Society. Tornou-se convencido de que o chamado "Caso do Poltergeist Cardiff ' seria uma assombração genuína.

Poltergeist é um "espírito" que faz barulhos e move objetos, e o prof. Fontana realizou diversos testes, como jogar pedras no canto de uma sala para depois vê-la levitando de volta para ele.

Ao contrário da maioria assombrações, que parecem envolver espíritos revoltados ou malévolos, Pete (nome do poltergeist) foi brincalhão e apenas ocasionalmente travesso. Na verdade, todos os envolvidos no caso tornaram-se convencidos de que Pete era o fantasma de uma criança de sete anos que havia sido morto por um carro próximo à oficina assombrada.

A família gosta tanto de Pete que o adotou como parte de sua família e eles se recusaram a exorcisar ou afugentar seu espírito pelos médiuns psíquicos. "Não houve maldade nele em tudo", diz o professor Fontana. "A família se sentiu privilegiada por ter sua presença. Eles o viram como prova de vida após a morte. Ele mudou sua visão sobre a vida inteira. Segundo o professor, isso definitivamente não é uma farsa.

Novas pesquisas científicas que serão publicados no respeitado Jornal da Sociedade para Pesquisas Psíquicas sugere que pelo menos algumas assombrações podem ser verdadeiras.

"Os sons produzidos pelos 'fantasmas' durante assombrações são paranormais", diz o Dr. Colvin. "Suas ondas acústicas são completamente diferentes. Não consigo encontrar uma explicação convencional para o meu resultado. Nem pode qualquer um dos outros cientistas que reviram o meu trabalho. Para ser honesto, estamos todos completamente perplexos. Nós não esperávamos encontrar estes resultados."

"Eu não acredito em vida após a morte. Eu acredito que a maioria das coisas rotuladas como 'paranormais' são apenas ilusões, fraudes ou o resultado de embriaguez ou consumo de drogas. Dito isto, os meus resultados mostram que pelo menos uma parte do paranormal, que se relaciona com os ruídos produzidos por fantasmas e poltergeists, podem ser verdadeiros. Eles são definitivamente não-humanos ou naturais. "


7 comentários:

ed junior disse...

, há exemplos nos quais anjos ruins (demônios) são registrados interagindo com pessoas. Eles também podem manipular o ambiente físico. Em Jó 1:12-19, eles manipulam as pessoas para que façam maldade; eles usam fogo do céu para consumir rebanhos de ovelhas. Eles também fazem com que um vento derrube a casa de Jó onde seus filhos estavam. Nos evangelhos, vários exemplos são registrados de demônios possuindo pessoas

os fantasma existes. porquer o homem mata amulher com frieza ouvidos sussuros e sempre ofantasma esta atras de voçe olhado enqaunto voçe mata.. e na cadeia esta ao seu lado...

Julia Amaral disse...

esta semana mesmo o filho matou a mae com golpes de machadada,,alegando que ''ela sofria muito''...isso nem é demonio, o diabo passa longe de um der humano desse, devemos observar,pois existem muitos misterios que só Deus e lúcifer sabem

Anônimo disse...

Eu moro em Cruz Alta-RS interior do estado, minha mãe não acredita em fantasmas e acha que sou loca porque acredito e as vezes vejo vultos principalmente quando vou num Cemiterio afastado da cidade, Jardim do Sossego, lá que meu amigo tá enterrado junto com sua mãe. Já vi muitos vultos, e sinto presenças até de um amigo meu que morreu de peuneumonia aos 21 anos, as vezes sinto que ele está comigo. Na cidade que eu moro a Maçonaria rola solta e isso piora, porque os espiritos dos que foram sacrificados por essa seita ficam vagando e reclamando por justiça. Essa cidade é completamente mal-assombrada e cheia de Almas Penadas, pois tem quase 200 anos. Detalhe: Era conhecida no séc XX como "O ninho dos Pica-Paus", guarida dos Chimangos na Revolução Farroupilha, palco de randes Batalhas e muitas mortes.

Anônimo disse...

Eu , vi mas n têm como descrevelo o q presenciei . Só resumo em uma palavra ...piscicodelico .....

Anônimo disse...

eu não agredito em famtasmas será que existe

Anônimo disse...

fantasma até pode existir mais não acredito muito nisso não

Anônimo disse...

Nada se altera pelo fato de existir ou não o que se convencionou chamar de "fantasmas". Assim como, deveriamos ficar felizes pelo fato de talvez existirem. Pelo menos saberiamos que existe algo mais alem dessa vida. Talvez até fosse divertido ser ou travar conhecimento com um fantasma.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...